Um italiano com alma mineira

Poucos sabem, mas o italiano Stefano Piletti, idealizador e proprietário da La Tartuferia, em Tiradentes, tem um dos pés no Brasil e não estamos falando de sua chegada ao país há cinco anos. Ele, de fato, tem raízes tupiniquins. Seus avós maternos são brasileiros e atualmente vivem em Águas Formosas, no norte de Minas Gerais. “Minha mãe nasceu no Brasil e mudou-se com os pais para a Itália aos 15 anos”, conta. Hoje, proprietário da La Tartuferia, que acabou de completar um ano em junho, ele comemora o trajeto percorrido até aqui e faz planos para o futuro. Nosso convite: entre e venha conhecer a casa das trufas em Tiradentes.

Após concluir seus estudos, o até então cientista político mestre em Relações Internacionais, buscou oportunidades de emprego em sua área de atuação onde vivia, em Roma, na Itália, mas não encontrou. Por ocasião do destino, mas também do coração, Stefano chegou ao Brasil aos 27 anos e aqui começou a fabricar geléias, conservas, pães e pizzas para amigos e conhecidos. “Sempre gostei da cozinha e das suas possibilidades”, destaca. O interesse cresceu e ele inaugurou, em menos de um ano, o Buffet La Cucina di Stefano, em Belo Horizonte/MG.

 Porém, mal sabia ele, mas o convite para participar de um evento na Pousada Pequena Tiradentes durante o Festival Cultura e Gastronomia na cidade, em 2014, abriu novas portas. “Fui convidado para fazer as entradas de um menu e como tinha estado há pouco tempo na Itália, eu estava com uma grande quantidade de trufas frescas que havia trazido de lá, por isso aproveitei para misturá-las aos ingredientes locais, o que gerou grande aceitação”, lembra. Neste momento, ele percebeu como era grande a demanda por produtos de qualidade deste tipo e, em pouco tempo, estes começaram a ser até mais requisitados do que seu serviço no Buffet.

Em junho do ano seguinte, em 2015, ele arrumou as malas e foi até a Itália novamente, desta vez em busca de mais conhecimento e especialização. “Na Toscana eu aprendi mais ainda sobre produtos trufados com uma família que há gerações manipula trufas e foi maravilhoso”, conta Stefano que, logo no retorno, decidiu mudar-se para Tiradentes. “Essa cidade me encantou por tudo que ela pode oferecer: tranqüilidade, qualidade de vida, matérias-primas excelentes e o meu trabalho”, diz.

Começou fabricando azeite e mel trufados e atualmente conta com mais outros cinco produtos que combinam itens regionais mineiros com as trufas italianas. São eles: queijo catuá, salame, aceto balsâmico, farofa e manteiga de garrafa. A intenção é continuar expandindo essa gama.

 

Os próximos produtostrufados? A saborosa carne de lata com uma cachaça para acompanhar não ficaria mal. Para isso, ele já tem o parceiro: Kleber do restaurante Sabor Rural.

 

A partir daí o objetivo é seguir em busca de mais sucesso.

“Faz parte dos meus planos ficar em Tiradentes e continuar produzindo com alta qualidade e crescendo de forma controlada e artesanal”, afirma o talentoso italiano com a perspicácia de quem sabe onde quer chegar.

©2023 por DaTerra. Orgulhosamente criado por ASSET